" Até onde posso vou deixando o melhor de mim...
Se alguém não viu...
Não me sentiu com o coração."
Clarice Lispector





Caso seja necessário copiar as questões elaboradas pela autora desta página, faça de forma que não haja exclusão do nome do blogger.
Agradeço a compreensão.



Qualquer dúvida relacionada aos conteúdos deste blogger entre em contato pelo endereço
ronyfaieth@hotmail.com.

















sábado, 17 de novembro de 2012

fonologia

 
Sobre a tira, pode-se afirmar:
 
A) As personagens da tira representam pessoas que possuem o mesmo nível socioeconômico.
 
B) A sintaxe do não verbal – diferença da cor e da postura entre entrevistador e entrevistado – marca a subserviência do entrevistado.
 
c) Revela uma crítica à falta de política governamental para o planejamento familiar.
 
E) Há construída uma crítica vinculada a aspectos socioeconômicos brasileiros
 
 
2. Observando as palavras quanto e aqui, presentes na tira, conclui-se que:
 
a.  a primeira possui o dígrafo qu, assim como a segunda.
 
b.  A primeira possui 7 letras e 5 fonemas, a segunda, 4letras e 4 fonemas       
 
c. A primeira possui 6 fonemas, a segunda, 3 fonemas
 
d. a primeira possui 5fonemas, a segunda 3 fonemas
 
 
 
3. A alternativa que traz a interpretação correta da tira é:
a.      No primeiro quadrinho observa-se claramente a intenção da mulher;
b.     No segundo quadrinho percebe-se a intencionalidade de sua fala inicial;
c.      O homem e a mulher mostram-se preocupados com o garoto;
d.     O homem não percebe a verdadeira intenção da mulher.
 
4. Destaque a alternativa que traz uma análise correta das palavras da tira.
a.  O fonema “zê” está presente tanto na palavra coisa, como na palavra existem;
b. A palavra coisa tem duas sílabas e separa-se assim: coi-sa;
c. Comprando -  tem dois dígrafos e um encontro consonantal;
d. Não ligue pra ela. A palavra destacada tem 5 letras e 5 fonemas
 
5. (HOMÔNIMOS E PARÔNIMOS) Indique a letra na qual as palavras completam, corretamente, os espaços das frases abaixo.
Quem possui deficiência auditiva não consegue ______ os sons com nitidez.
Hoje são muitos os governos que passaram a combater o ______ de entorpecentes com rigor.
O diretor do presídio ______ pesado castigo aos prisioneiros revoltosos.
a) discriminar - tráfico - infligiu
b) discriminar - tráfico - infringiu
c) descriminar - tráfego - infringiu
d) descriminar - tráfego - infligiu
e) descriminar - tráfico - infringiu


6.Leia o trecho


Estava terminando a aula quando começou a chover. Fiquei até com medo que acontecesse uma aqui no bairro! Tive que sair da escola correndo, pois quando eu  meu guarda-chuva  da , ele estava estragado. Corri muito, mas fiquei com a roupa . Algumas pessoas na rua, falaram coisas engraçadinhas pra mim, me deu vontade de todo mundo... Mas a minha educação não !! Bah... Educação é tudo na vida da gente!
 
 A sequência grafada corretamente é:
a.      Enchente – puxei – mochila -  encharcada  - xingar – deixou
b.     Enxente – puxei – moxila – enxarcado – xingar – deixou
c.      Enchente – puxei – mochila -  encharcada  - chingar – deixou
d.     Enxente – puxei – mochila -  encharcada  - xingar – deixou
 
7. Assinale  a opção cm que a palavra está incorretamente grafada:

a) duquesa
b)magestade.
c) gorjeta.
d) francês.
e) estupidez

.8. Assinale a alternativa em que todas as palavras estão grafadas corretamente:
a) analizar - economizar - civilizar.
b) receoso - prazeirosamente - silvícola.
c) tábua - previlégio - marquês.
d) pretencioso - hérnia - majestade.
e) flecha - jeito – arrasar
09 Assinalar a alternativa que completa as lacunas da frase abaixo, na ordem em que aparecem. "O Brasil de hoje é diferente, _____ os ideais de uma sociedade _____ justa ainda permanecem".

a) mas - mas
b) mais - mas
c) mas - mais
d) mais – mais

10.(PUC –SP) –     “Ó mar”! Por que não apagas
 
                     Coa esponja de tuas vagas
 
                    De teu manto este borrão?”
 
A palavra porque tem diferentes grafias, dependendo do sentido em que é empregada. No texto acima, ela aparece assim grafada: por que.
 
a) explique esse emprego.
 
b) Preencha os espaços abaixo, grafando corretamente a referida palavra em cada um dos seguintes períodos:
 
I – Não sei o ... deste horror.
 
II – Ó mar! Não apagas este borrão, ...?
 
III – O poeta sente-se indignado ... a situação a que se refere é aviltante para o ser humano.
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário